Por Mariana Mattos.

Eclipses lunares trazem sempre questões emocionais. O que ocorrerá amanhã (04/04/15), com ápice às 9h, tem algo de mais especial!

Lua de sangue

Chamamos um eclipse lunar de Lua de Sangue quando o eclipse ocorre numa sequência de 4 movimentos semelhantes seguidos. O último desse tipo ocorreu entre 2003 e 2004 e só ocorrerão apenas mais 7 sequências chamadas tétrades esse século.

O primeiro eclipse dessa tétrade aconteceu no dia 15 de abril de 2014, o segundo no dia 08 de outubro de 2014, o terceiro acontece agora, 04 de abril de 2015 e o último será no dia 28 de setembro de 2015.

Mas no que isso influencia?

Em termos astrológicos, o eclipse ocorrerá na Lua Cheia do Eixo Áries – Libra. Ativando o grau 15, esse eclipse traz algumas reflexões:

– O que há de repetitivo e de tédio nos relacionamentos?

– Como sinto o outro e me abro para que ele efetivamente seja um espelho transformador?

– As perspectivas de transformação estão sendo sentidas e vivenciadas ou ficam mais no plano das ideias?

– Como manifesto o feminino que habita em mim?

– Como manifesto o masculino que habita em mim?

– Como fluem essas manifestações em interação com a consciência coletiva?

Tecendo seu manto de Luz Estelar

Estamos atravessando um período de muitas aberturas, limpezas e sintonizações. Desde 2012 sabemos que portais tornaram-se mais constantes em nossas vidas.

Esses portais são ativadores de cinturões cósmicos e nos conectam com energias especiais como as de Plêiades. Em setembro haverá um forte portal energético que irá abrir mais a consciência humana. O portal nos facilita a tecer o manto de Luz que nos interliga à Vontade Divina, à Consciência Coletiva que nos rege.

Esse manto é tecido em Luz gerada no equilíbrio das polaridades feminino e masculino que habitam o Ser. Áries, ação, Libra, amor. Áries Yang, Libra Yin.

Até lá, ocorrerão limpezas e ativações como a Lua de Sangue Páscoa Áries-Libra que nos possibilitam transformar, transcender e receber Luz.

Essa Luz é a ativação de uma memória galáctica. “Somos filhos das estrelas e isso não é uma metáfora” – Filipe Freitas.

Os cinturões pleiadianos nos abrem essa memória celular. O uso de nossa capacidade cerebral aumenta e com isso nossa capacidade de amar também fica maior!

Por isso a melhor dica de todas para esse eclipse é: ame.

Para facilitar o amor, seguem 5 dicas:

 1 – Medite às 9h com bastante Luz Rosa. Sugestão: meditação da Deusa Kuan Yin

 2 – Equilibre seus hemisférios cerebrais com respiração Pranayama ou visualize o símbolo Yin e Yang.

 3 – Mentalize pétalas de flores saindo da Luz que jorra do seu coração durante todo dia e compartilhe esse amor com a cidade, com o país. Envolva Gaia num manto de Luz Rosa.

 4 -­ Esteja com pessoas que alimentem o amor, a comunhão.

 5 – Nutra-se de tudo que é bom para receber ovos cósmicos na Páscoa.

Boa celebração !

Fonte: http://www.marianamattos.net/

Comentários

Comentários